21/06/2017

VALE A PENA ASSISTIR? American Gods - Jéssika


   Oi gente, tudo bom? Aqui é Jéssika, e hoje venho falar de American Gods, uma série no mínimo perturbadora que vai agradar muito os fãs de mitologia e os amantes da boa e velha fantasia!  Mas a grande questão é: Será que vale a pena assistir?



   O drama é centrado em uma guerra entre os velhos e os novos deuses. Os seres bíblicos e mitológicos estão perdendo cada vez mais fiéis para novos deuses, que refletem o amor da sociedade por dinheiro, tecnologia, celebridades e drogas. Shadow Moon é um ex-vigarista que agora serve como segurança e companheiro de viagem para o Sr. Wednesday, um homem fraudulento que é, na verdade, um dos velhos deuses, e está na Terra em uma missão: reunir forças para lutar contra as novas entidades.
   
   Neil Gaiman, um autor britânico já conhecido do público por suas obras bastante peculiares, como Coraline, Stardust e Um oceano no fim do caminho e seus quadrinhos de sucesso, como Sandman, tem uma de suas maiores obras adaptadas: American Gods (Deuses Americanos, na versão brasileira). Como a maioria das histórias do autor, nos vemos envoltos em uma mitologia evidente, porém, adaptada. Não sendo totalmente fiel as histórias contadas pelos antigos.

Com uma narrativa não linear e com informações omitidas propositalmente, é uma série envolta de mistérios, com um grande quebra cabeça a ser montado. Na história, podemos observar os deuses e como agem, mas poucos nomes são citados e, às vezes, até suas origens se tornam misteriosas. É ai que a história de Neil Gaiman se torna especial: Ao não entregar nada de bandeja, ele instiga o espectador a querer conhecer mais da história para que se possa chegar a uma conclusão sobre o que está sendo contada e o porquê e se aprofundar nesse universo.


 Muitos podem achar estranha a forma como os protagonistas agem entre si. Com eventos sobrenaturais e incomuns acontecendo ao redor, a falta de surpresa, ou a relativa apatia dos personagens pode causar desconforto aqueles que assistem. Já que Shadow era um homem relativamente comum, que foi jogado em um meio onde coisas surpreendentes ocorrem e lida com isso sem entrar em pânico aparente. Aqueles que assistem a série e já tiveram algum contato com o livro, percebem que a história foi feita para ser contada dessa maneira, com os sentimentos e as reações dos personagens principais tomando contexto e sendo revelados no decorrer da trama.
Não podemos dizer que a série é totalmente fiel ao livro, já que, por ser em um formato diferentes, são necessárias algumas adaptações para se contextualizar as histórias, interliga-las e ritma-las.  Todo episódio se inicia com um conto sobre alguma divindade em sua época, nos mostrando que nesse universo, tudo aquilo que é adorado tem poder e aqueles que são esquecidos, vão se tornando mais fracos. Com o passar dos episódios, fica claro para o telespectador quem são os “novos deuses americanos” e quais são seus poderes.


   É uma série que trata de miscigenação cultural e seus impactos para todas as sociedades e crenças, nos fazendo refletir por muitas as vezes até que ponto a globalização foi positiva para o ambiente cultural. Com cenas impactantes e, por muitos, consideradas desnecessárias, como por exemplo, a cena de sexo gay com um mulçumano ou uma deusa engolindo um homem por sua vagina; é um programa que veio para não ser deixado esquecido ou passar em branco. 

- Considerações Finais:

   Sendo claramente o tipo de série “ame-a ou deixe-a”, precisamos deixar claro que a maioria prefere amar e espera ansiosamente pelos próximos capítulos.  É uma boa pedida para os amantes de mitologia, para aqueles que curtem uma série que só se revela ao que veio durante a sua continuidade e para os que não ligam para algumas cenas explicitas e sangrentas. Ficamos assim, esperando o desenrolar dessa história que já tem a sua segunda temporada confirmada; com uma afirmação do autor que também terá um segundo livro, nos fazendo permanecer por mais tempo ansiosos pelo que virá a seguir. Não sei vocês, mas eu com certeza indico!


Espalhe a ideia, comente com os amigos! Compartilhe o que é bom!


Twitter: @oNerdSpeaking
Instagram: NerdSpeaking
SoundCloud: Nerd-Speaking
Facebook: NerdSpeaking
 E-mail: nerdspeaking@gmail.com




Nenhum comentário:

Postar um comentário

\O/ NERD FAZ TEXTÃO!! \O/