05/08/2016

Esquadrão Suicida: Expectativas Finais! - João F.



 Fala meu povo! Finalmente, a estréia de Esquadrão Suicida nos cinemas está próxima. Mais de um ano após o lançamento do primeiro teaser do filme (que animou quem estava com uma pulga atrás da orelha), o filme que tem no elenco estrelas como Will Smith, Jared Leto e Viola Davis interpretando personagens históricos para a DC Comics. Aqui vão nossas expectativas finais para o filme de David Ayer.


  O Esquadrão Suicida é, na verdade, uma equipe cujos membros (a maioria) são os maiores vilões da DC (Como Coringa, Arlequina e Pistoleiro). Porém, eles não são um grupo que apenas juntou suas forças para detonar o mundo. Na verdade, a força-tarefa foi criada para que eles pudessem  ser os bonzinhos ao menos uma vez em suas vidas, provando que não são de todo mal. Ao menos, essa é a teoria. Será que funcionaria na prática?

   Nosso otimismo diz que tudo correrá bem pois, afinal, um elenco de peso, um diretor aclamado e a adaptação de uma das maiores equipes da DC Comics compõem a fórmula para o sucesso do filme. Resta saber se sua aplicação será bem aceita pelo público. Contudo, até agora, arrisco dizer que tenho boas expectativas em relação a Suicide Squad.
  Viola Davis é uma atriz premiada por seu trabalho no cinema, e certamente um dos melhores nomes do elenco do filme, se não o maior.Ela interpretará Amanda Waller, a “chefona” da força-tarefa que coloca os vilões a agirem como heróis. Suas intenções são bem duvidosas, como pudemos observar nos trailers. Todos sabem que ela não é do tipo de personagem que quer apenas que os membros do Esquadrão Suicida façam algo de bom na vida apenas para se sentirem heróis, pois seus interesses vão muito além disso. Afinal, agora que o Superman “se foi”, qual o melhor modo de fazer as coisas continuarem andando na linha? Recrutando os bad guys mais extraordinários para uma equipe que fará o trabalho dos mocinhos, e com isso controlando suas vidas ao ponto de, se a coisa toda der errado, jogar a culpa nas peças ruins. É uma personagem intrigante, e certamente uma vilã que promete deixar o público satisfeito.


  Obviamente, todos esperam demais do Coringa (Jared Leto), considerado um dos maiores vilões dos quadrinhos. A atuação do vocalista da banda 30 seconds to Mars tem impressionado muita gente, que pode observar isso através dos trailers e clipes divulgados pela produção. Trata-se de uma versão do personagem bem diferente das anteriores, o que já é uma característica das adaptações do palhaço do crime para o cinema, que vão ficando cada vez mais sombrias. A mídia tem focado bastante no que Leto fez nos bastidores do longa, através de um método bizarro para intimidar os colegas de elenco, para que estes realmente se sintam ameaçados pelo Coringa. Fica a pergunta: Puro Marketing, ou a mais absoluta verdade?



  O fato de o filme ser idealizado “para toda a família” fez os fãs ficarem com um pé atrás. Obviamente, a classificação indicativa baixa serve para que o longa se torne mais atrativo em questão de público, obtendo maior bilheteria com isso. Mas, vale ressaltar que as histórias do Esquadrão Suicida (ao menos as HQs) costumam ser marcadas por violência característica da DC Comics. O primeiro teaser, divulgado na Comic-Com do ano passado, dava a ideia de que o tom do filme seria bem sombrio e um tanto pesado, podendo receber uma classificação indicativa de 16 anos, ou até mesmo 18 anos. Contudo, a cada material divulgado em vídeo, podemos observar que a chama de um clima “pesado” tem se apagado aos poucos, e sendo trocado por mais humor, diferente de Batman V Superman: A origem da Justiça.

  Uma coisa que aprendemos com os filmes da Marvel é que personagens de alívio cômico têm sido mais memoráveis não apenas para os fãs, mas até mesmo para quem não é familiarizado com o gênero. Funciona como “Aquela piada de um filme que ninguém esquece”. Com Esquadrão Suicida, a DC tem a chance de adotar esse método. Onde está a preocupação? Simples, se o filme der tanto espaço para o humor, como fica o sombrio característico dos quadrinhos? Os trailers não decepcionaram, e oremos para que o filme seja do tipo que vale a pena assistir mais uma vez.

  Portanto, fica aqui nossas expectativas finais para a nova produção do Universo Cinematográfico da DC. Está chegando a hora! Aguardem o lançamento do filme, e também a nossa review, que virá assim que tivermos acesso aos cinemas para assistir ao longa.



Espalhe a ideia, comente com os amigos! Compartilhe o que é bom!


Twitter: @oNerdSpeaking
Instagram: NerdSpeaking
SoundCloud: Nerd-Speaking
Facebook: NerdSpeaking
 E-mail: nerdspeaking@gmail.com





Nenhum comentário:

Postar um comentário

\O/ NERD FAZ TEXTÃO!! \O/