13/07/2016

HERÓIS DO TEMPO #1 O Fantasma! - Joe


Hey pessoas, beleza? Aqui é o Joe e hoje abriremos uma nova saga de supers aqui no NerdSpeaking para saudar os grandes HERÓIS DO TEMPO!
 A série funcionará basicamente para resgatar grandiosos heróis que se perderam no espaço e tempo; Para começar, falarei sobre O ESPÍRITO QUE ANDA, O QUE CAMINHA DENTRE OS MORTOS, O FANTASMA! Confiram.

   O Fantasma é uma criação de Lee Falk (mesmo criador de Mandrake, o mágico), lançado no ano de 1936 pela King Features – também editora de Mandrake - dois anos antes da classicíssima primeira Action Comic do Superman (Action Comic No.1 - 1938) ser lançada. Nascera como uma HQ simples, com traços rudes e mal detalhados, mas que ainda assim conseguiram prosperar e conquistar vários jovens de décadas atrás.


   Como qualquer história de super-heróis (ou heróis), o plot é bem comum; Um homem que luta contra o crime e todos os mal feitores sem medo algum, usando uma máscara para esconder sua verdadeira identidade. Mas, ele só pode ser considerado um plot comum nos dias atuais, pois não podemos esquecer que isso surgiu nada mais nada menos que há 80 anos! Provavelmente há tanto tempo não tenha sido tããão comum quanto é hoje... xD



   A construção dele como personagem é muito interessante, porque ele não possui superpoderes nem vida eterna (como os seus inimigos pensam!). O Fantasma é na verdade uma herança de família, que é passada de pai para filho a inúmeras gerações. Todos os filhos homens têm de fazer um juramento, prometendo que defenderão o legado do espírito que anda (título do personagem), e só então que o anel em formato de caveira – O grande símbolo do Fantasma – é passado para o próximo vigilante das florestas. Isso é o que faz com que seus vilões e os bandidos das savanas e florestas acreditem que ele é na verdade um ser milenar, pois não dá para diferenciar quem está por baixo daquelas vestes roxas, logo, subentendem que é um ser imortal.

   Sua lenda se iniciou com a morte de um lorde inglês, que durante uma viajem para a Índia, foi vítima de um ataque pirata e executado ali mesmo, na frente de seu filho já adulto. Seu filho porém consegue se salvar e tempos depois promete jura dedicar a sua vida contra a pirataria ou qualquer tipo de crime. O famoso juramento do herói ficou muito conhecido logo em suas primeiras publicações, nas “Novas Aventuras do Fantasma”, onde nas primeiras folhas das revistas era mostrada a cena do herói, com a caveira do pai em sua mão fazendo O Juramento da Caveira:

“Eu prometo dedicar a minha vida na luta contra a pirataria,
a crueldade e a avareza, e meus filhos deverão seguir
o meu exemplo depois de minha morte.”




   O Fantasma é uma figura que usa uma malha colante roxa, meia máscara cobrindo o rosto, com uma sunga listrada de amarelo e preto por cima do colante, um cinto com a imagem de uma caveira e duas pistolas nos coldres. Vive em uma caverna cujo formato curiosamente é o de uma caveira. Fica localizada no meio das florestas, onde são armazenados os registros dos casos em que participou, os bandidos que prendeu, assim como toda a sua rica fortuna em ouro e joias que herdou de sua família. Mas sua mais preciosa joia, ele carrega consigo; O seu anel de prata no formato em alto relevo de uma caveira. Foi com ele que fez o juramento e é com ele que ele deixa o seu ‘carimbo’ na face dos inimigos, deixando uma cicatriz em formato de caveira em todos aqueles que por ele foram derrotados.

   O herói das florestas ficou muito conhecido logo em suas primeiras edições, lá por volta dos anos 40, provavelmente pelo fato que o escritor Lee Falk e o desenhista Ray Moore, já terem lançado o mágico Mandrake, e já tinham estabelecido as suas marcas. Apesar disso, Moore não desenhou O Fantasma por muito tempo; Na verdade só o desenhou até o ano de 1942 e por motivos de saúde, abandonou o desenho.
  O Fantasma, junto ao seu fiel cão, Capeto e seu cavalo Herói, surgiram quando os editores da King Features descartaram a ideia inicial de Falk; Uma história sobre Rei Arthur e a távola redonda. Falk, ainda querendo criar algo do mesmo gênero, desenvolveu então a grandiosa lenda do Fantasma, que nada mais é que uma fusão muito bem feita do Rei Arthur, Zorro e o guerreiro Cid (como bem foi dito na graphic novel Piratas do Céu)! Pois é meus caros, O Fantasma é uma verdadeira obra prima, do que esses três grandes guerreiros tem a oferecer!



   Quem diria que um herói criado há mais de 80 anos em formato de tirinhas de banda desenhada para os jornais dominicais poderia ter gerado a revolução pop nos heróis que temos hoje, não é mesmo? The Phantom é um dos pioneiros do ramo heroico encapuzado, com colante, máscara e tudo mais! Jamais poderemos esquecer o seu legado e o do seu grande escritor, o Lee Falk e tudo o que ofereceram e ainda oferecem à cultura pop! Hoje, o Fantasma existe apenas em reprints e reedições de suas revistas antigas, assim como em graphic novels que unem as suas sagas mais famosas (como por exemplo Os Piratas de Singh, Os Pitaras do Céu e A Rainha dos Piratas), mas ainda assim vale muito a pena a leitura, afinal, como dizem por aí, o que é bom nunca envelhece! ^^



   Ah, e além de reprints, o Fantasma teve ainda um filme lançado em 1996, dirigido por Simon Wincer (Harley Davidson and the Marlboro Man) estrelando Billy Zane (The Phantom/Kit Walker) , Kristy Swanson (Diana Palmer), Treat Williams (Xander Drax), e Catherine Zeta Jones (Sala) nos papéis principais e apesar de ter recebido notas baixas e até negativas pela crítica especializada devido ao seu plot simples e medíocre, e por ter uma história um tanto genérica, ainda assim é um filme divertido, e para aqueles que buscam saber um pouco mais sobre o Fantasma, é um prato cheo, já que teve várias cenas deletadas, action figures vendidas, e muitas outras curiosidades à serem desenterradas! O filme foi um fracasso de bilheteria, visto que tenha tido um orçamento de 45 milhões para uma receita de 17 milhões.



   Apesar de altos e baixos e a ‘não-continuidade’ da produção de HQs novas para o herói, ainda assim o Fantasma – Kit Walker – É uma das mais preciosas obras dos quadrinhos já feitas até hoje. O seu legado deve ser mantido até as próximas gerações, afinal, é um Espirito que caminha é o que caminha dentre os mortos, ele é O FANTASMA! Hahaha!  \O/

Este post dedico ao meu pai, que me introduziu ao universo das tirinhas há muito tempo, começando pelo clássico espírito que caminha; Um dos grandes clássicos de sua infância!




Espalhe a ideia, comente com os amigos! Compartilhe o que é bom!


Twitter: @oNerdSpeaking
Instagram: NerdSpeaking
SoundCloud: Nerd-Speaking
Facebook: NerdSpeaking
 E-mail: nerdspeaking@gmail.com


Joe: Joe é o fundador, diretor, organizador e 'âncora' do NerdSpeaking. É o cara que organiza o fluxo das postagens do blog, além de revisá-las antes de irem ao ar! Também é o editor e revisor dos conteúdos em áudio produzido pelo NS. Desde pequeno foi induzido a gostar do mundo clássico e contemporâneo do cinema, logo não tem dificuldades em assistir filmes ou jogar games "atemporais". Um amante do universo Sci-Fi, nunca perde a oportunidade de debater teorias fictícias, que tanto repercutem no cinema.  Multi-útil, escreve de tudo um pouco no blog, mas dedica-se um pouco mais especialmente na parte do cinema, TV e games.

palavras-chave: - Nerd - Mochileiro - Cinema - RPG - HQs - Áudio - Música - Café - blogueiro - editor - Séries - Games - Boardgames - Livros




Game preferido: Alien: Isolation
Livro preferido: Os Últimos dias de Krypton
Filme preferido: Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)
Série Predileta: Revolution
Twitter: @Joegrafia
Instagram: Joegrafia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

\O/ NERD FAZ TEXTÃO!! \O/