27/01/2016

Vale a pena assistir? The Flash! - Joe



Hey pessoas, beleza? Aqui é o Joe e hoje venho falar um pouco sobre o Super-Herói conhecido como "O Homem Mais Rápido Vivo!" Sim nerds, vim falar de THE FLASH! Vai ser rápido( hahaha! XD) Confiram! 


"RUN BARRY, RUN!"

   Desde que foi inventado o maravilhoso mundo das HQs, os seus leitores vêm se deliciando nas mais fabulosas aventuras de seus heróis e vilões favoritos, onde na maioria das vezes, o mocinho ou a mocinha tem que salvar algo do temível vilão. De lá para cá o publico leitor das comics foi aumentado e aumentado cada vez mais e cada vez mais exigente. Imaginavam como seria fantástica uma grande animação de tudo aquilo, como num filme. Houveram alguns que tentaram reproduzi-las, como o Robert Iscove no THE FLASH – O FILME, mas poucos conseguiram chegar perto ou ultrapassar as HQs.
   Hoje, os leitores podem celebrar! Com o “boom” das industrias cinéfilas e televisivas, podemos deliciar-nos com maravilhosas produções impecáveis e atraentes, como é o caso de Arrow e Flash. Senhoras e senhores, sem mais delongas, bem-vindos à nova produção da CW, Flash! Uma série envolta por uma nuvem de amor e mistérios, onde Barry Allen - o Flash, e seus parceiros de profissão lutam incansavelmente contra o mundo do crime.

   The Flash é uma série produzida pela emissora CW, que conta com seu personagem principal trazido da DC, o The Flash(Grant Gustin)! Seus temas variam principalmente entre sci-fi, ação, drama e investigação, com aquela pitada de comédia. Nascida de um crossover com Arrow, The Flash vem ganhando espaço na nerdosfera desde seu nascimento, em 2014. Em grande parte por ser uma série descomplicada e interessante para o público jovem, sem que exija muito de pensamentos profundamente filosóficos, afinal de contas, é uma série que é feita para ser rápida (sacou? xD )
   Criada por  Greg Berlanti, Andrew Kreisberg e Geoff Johns, The Flash é, como já mencionado acima, baseado num personagem de mesmo nome da DC, assim como sua identidade pública (Barry Allen, o The Flash da era de prata dos quadrinhos) e apesar de uns erros aqui e ali, está sendo bem aceito pelo público geral, especialmente por que você não precisa necessariamente ter lido as HQs do Flash ou ter acompanhado as séries animadas produzidas pela DC (Apesar de você pegar diversas referências se o tiver feito). 


Eis o plot:

   Um garoto chamado Barry Allen vivia uma vida normal em Central City, sendo um daqueles jovens garotos que sofrem bullying e têm de correr de seus predadores. Morava com seus pais, mas um dia um incidente aconteceu; Enquanto dormia, um borrão amarelo e vermelho invadiu a sua casa, matando sua mãe. Como se isso já não tivesse sido um grande tombo em sua vida, seu pai foi julgado como culpado pela morte dela, sendo consequentemente preso. Barry então é levado pelo detetive Joe West para morar em sua casa com sua filha Iris West.
   O tempo passa e Barry cresce para se tornar um investigador policial com alto conhecimento em sua área, mesmo que continue sendo visto como um qualquer. Bastante inteligente e curioso, Barry dedica sua vida à entender secretamente o que houve de verdade no dia em que sua mãe foi morta e quais foram as causas para tal. Por ninguém acreditar em sua descrição do que viu na noite da morte de sua mãe, Allen é forçado a investigar o caso sozinho, descobrindo e se deparando com os casos mais absurdos e paranormais já vistos.
 14 anos depois, numa noite em Central City, a S.T.A.R. Labs faz o lançamento de seu mais sofisticado aparelho tecnológico; Um acelerador de partículas, o qual é mostrado publicamente, durante um evento da empresa. Mas algo dá errado e o acelerador de partículas expõe a cidade toda a uma onda radioativa que causa vários acidentes, inclusive com Barry, que é atingido por um raio proveniente da tempestade radioativa. Por ter sido atingido em seu próprio laboratório, Barry cai por cima de seus produtos químicos e desmaia, entrando em coma. 9 meses depois ,já recuperado do coma, Barry volta ao mundo com grandes poderes; desenvolvido. Agora ele tem a grande habilidade de percorrer longas distâncias em poucos segundos, e é capaz de se locomover com grande facilidade num minúsculo intervalo de tempo. Ele então é denominado como um "Meta-Humano" pelo doutor Harrison Wells, criador do defeituoso Acelerador de partículas.
   Logo Barry descobre que não foi o único a ser alterado em sua cidade e agora ele recebe o dever de defendê-la, protegendo todos os cidadãos de grandes vilões nunca antes vistos, e, além disso, surge agora a esperança e um possível caminho a ser trilhado para dar de encontro com o ser que assassinou sua mãe.




 A série existe desde 2014, contendo aparições do personagem principal ainda um ano atrás, em 2013 na série Arrow. Teve um desenvolvimento muito bacana nessas 2 temporadas que seguem, e devo-lhes dizer que o número de referências às HQs é impressionante! Para quem lê e acompanha as HQs da Liga da Justiça, Sociedade da Justiça ou as solos do Flash, tenho certeza que será um prato cheio! Uma série bem-humorada que traz muito da essência de quem o Flash é no universo da DC. Vamos poder rever vários clássicos vilões que acompanham o Flash desde que ele nasceu, como exemplo o Gorila Grodd e o Flash Reverso, e caras...É sensacional! Talvez um ponto que considero uma baixa na história seja os romances de Barry, mas é perdoável, uma vez que a CW já é famosa por fazer esses draminhas de amor! :P 

   No geral, é uma série muito bem bolada e bem trabalhada na Ficção Científica. Traz ainda dados reais de alguns elementos químicos e apresenta teorias estudadas no mundo da física, o que para o mundo dos Nerds á é um grande atrativo. Recheada de referências ( não só de Flash, mas do universo Nerd, graças a Cisco, um personagem Nerdão da série) e que tem umas sacadas bem inteligentes ao introduzir personagens! Estou curtindo demais assisti-la, e espero que vocês também! Sim, vale a pena assistir e o NerdSpeaking Recomenda!



Espalhe a ideia, comente com os amigos! Compartilhe o que é bom!



Twitter: @oNerdSpeaking
Instagram: NerdSpeaking
SoundCloud: Nerd-Speaking
Facebook: NerdSpeaking

 E-mail: nerdspeaking@gmail.com




Joe: Joe é o fundador, diretor, organizador e 'âncora' do NerdSpeaking. É o cara que organiza o fluxo das postagens do blog, além de revisá-las antes de irem ao ar! Também é o editor e revisor dos conteúdos em áudio produzido pelo NS. Desde pequeno foi induzido a gostar do mundo clássico e contemporâneo do cinema, logo não tem dificuldades em assistir filmes ou jogar games "atemporais". Um amante do universo Sci-Fi, nunca perde a oportunidade de debater teorias fictícias, que tanto repercutem no cinema.  Multi-útil, escreve de tudo um pouco no blog, mas dedica-se um pouco mais especialmente na parte do cinema, TV e games.
palavras-chave: - Nerd - Mochileiro - Cinema - RPG - HQs - Áudio - Música - Café - blogueiro - editor - Séries - Games - Boardgames - Livros

Game preferido: Wolfenstein (Saga)
Livro preferido: Os últimos dias de Krypton
Filme Preferido: Birdman
Série Predileta: Revolution

Twitter: @Joegrafia

Instagram: Joegrafia

2 comentários:

  1. Deu até vontade de assistir!

    ResponderExcluir
  2. Show! \o/ :D Feliz de termos ajudado ^^ Continue nos acompanhando \o/

    ResponderExcluir

\O/ NERD FAZ TEXTÃO!! \O/